quarta-feira, 24 de abril de 2013

O que está acontecendo com o Macaco Bong?

O power trio Macaco Bong toca rock instrumental e vem de Cuiabá. O grupo sempre foi excelente, fez discos incríveis e shows memoráveis. Sou muito fã da música deles.

Mas a gente nunca sabe o que se passa no backstage...no começo do ano passado, o baixista Ney Hugo saiu da banda e foi morar em Porto Alegre para cuidar da "Casa Fora do Eixo". Ele foi substituído por Gabriel Murilo, que já tocou nas gravações do segundo disco da banda, "This is Rolê", lançado em setembro.

Em 2012, o Macaco Bong mudou de casa mais uma vez. Sempre ligados nas movimentações do Coletivo Fora do Eixo, o trio já tinha se mudado de Cuiabá para São Paulo. No ano passado, foram parar em Belo Horizonte por conta própria. Foi lá que gravaram seu último disco e é lá que moram até agora.

Mas as mudanças não pararam. Hoje, o Macaco Bong publicou um comunicado em sua página oficial do Facebook dizendo que o baterista da banda, Ynaiã Benthroldo, saiu do grupo. Mas afirmam também seguem firmes e fortes e que deves continuar em turnê e gravar canções inéditas ainda este ano. Ainda assim, é uma grande perda. Ynaiã é um músico incrível e tem uma baita presença de palco. Mesmo ficando lá atrás, encoberto pelos pratos da bateria, contagiava o público e chamava a atenção com um jeito de tocar pesado, mas cheio de groove. A banda ainda não divulgou um substituto para Ynaiã. E, agora, o único membro original do grupo que resta é o guitarrista Bruno Kayapy.

Eu acho uma pena. Na minha opinião, o primeiro disco deles, "Artista Igual Pedreiro", ainda é insuperado. Não gostei tanto assim do EP "Verdão Verdinho" (não que ele seja ruim, pelo contrário) e, apesar de achar o "This is Rolê" muito legal mesmo, o primeiro disco ainda soa melhor.

Porque nada que eles fizeram até agora supera isso:



"Vâm pará porra ninhuma!"

Mas vamos esperar para ver, certo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário