terça-feira, 3 de julho de 2012

Vai, Brasil!

Tem muita música boa no Brasil hoje.
Se você é daqueles que fica só reclamando de Michel Teló, Gusttavo Lima e Tchu & Tcha, deixe de ser preguiçoso e procure coisas melhores! Existe sim muita gente boa daqui, fazendo um som bacana. Dois bons exemplos disso são o Cícero, do Rio de Janeiro; e a Lurdez da Luz, de São Paulo.
E eles têm clipes novos bem bacanas.



A rapper Lurdez, que já tem 12 anos de estrada e cantava no Mamelo Sound System, apresenta a nova música "Levante" com um clipe muito bem produzido. Ela está linda e a letra é genial:


"Não tá gostando de uma fita? Então não fala, faz!"

"A levada é pra levante. A mensagem é pra levante. Se tá sentado, então levante!"

"O que eu quero é ver meu povo com poder pra mudar, pra vencer a violência covarde. A falta de direito. O excesso de dever. E de fato viver, não só sobreviver."

A canção é a primeira novidade da Lurdez em dois anos, já que ela não lança nada desde seu excelente álbum de estreia na carreira solo, homônimo, de 2010 - e que você pode baixar de graça no site dela. Agora, ela segue fazendo um monte de shows por aí. Tava tocando na Europa e, agora que voltou pro Brasil, já tem agenda cheia até outubro.

 

O carioca Cícero lançou um disco lindo chamado "Canções de Apartamento" no ano passado. Corre atrás do álbum todo que vale muito a pena. Então fez um clipe muito legal pra canção que abre o disco, "Tempo de Pipa"; e chegou até a MTV e o Multishow. Ele canta e toca muito bem, tem letras espertas sobre relacionamentos e as esquisitices da sociedade e faz um som calcado em Los Hermanos, Caetano Veloso e rock'n'roll, sem perder sua autenticidade. É muito bonito e suave, gostoso mesmo de ouvir. Aí essa semana saiu o clipe novo, "Açúcar ou Adoçante", que mostra o Cícero dentro de um quarto, puxando a referência de apartamento, na fossa, subindo pelas paredes - literalmente. Muito bacana.

"Entra pra ver como você deixou o lugar. E o tempo que levou pra arrumar aquela gaveta."

"Mas se você quiser alguém pra amar ainda. Hoje não vai dar. 
Não vou estar. Te indico alguém."

Nenhum comentário:

Postar um comentário