segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

R U Mine: música inédita dos Arctic Monkeys

Os Arctic Monkeys estão há tempos viciados em Estados Unidos, carão, jaquetas de couro e clipes gravados na estrada, no deserto e derivados. Isso a gente já sabe.

O clipe novo deles que saiu hoje não foge daí, mas tem o grande diferencial de ser uma música nova e inédita que, para agrado da maioria dos fãs, retoma em grande parte o estilo de som que a banda fazia nos seus dois primeiros discos: mais rápida, vocal do Alex Turner corrido, falado (quase um rap), riff pegajoso e bateria pesada e tretíssima. A música se chama "R U Mine" ("Você é minha?" em inglês), é muito boa, não está em nenhum dos quatro discos dos Arctic Monkeys lançados até agora e, assim como o lado B "Evil Twin", merecia ter sido lançada oficialmente nos álbuns, de tão legal que é.



Ironicamente, na ressaca pós-Oscar que premiou "O Artista" como o melhor filme de 2012, o clipe novo dos Arctic Monkeys é todo em preto e branco, mas o estilo "vintage" acaba por aí mesmo.

Matt Helders, o "baterista/protagonista" (é o Ringo do século XXI, reparem! Haha), mais uma vez aparece em primeiro plano, mas dessa vez o Alex (líder, compositor, vocalista e guitarrista) rouba bastante a cena. Os dois cantam, fazem carão e tocam "air drums" dentro de um carro em movimento, dirigido por Matt em uma estrada escura à noite. Mesmo assim, os dois usam óculos escuros, além da cara de mau, um monte de anéis que parecem aqueles de bicheiro malandrão, pulseiras e correntes e camisetas pretas. Bem par de vaso e bem brega, mesmo. De repente, aparecem no banco de trás o baixista, Nick O'Malley; e duas garotas mascaradas e de chapéu de cowboy(!).

No fim do clipe, repare que na hora de a banda tocar aparecem só o Alex e o Matt. Por que raios?! enquanto eles tocam, o Nick só fica andando pra lá e pra cá e o pobre do Jamie Cook, o outro guitarrista, nem dá as caras o vídeo inteiro. Espero que não mudem a formação, eu gosto bastante do Jamie!


E se prepare: faltam só 41 dias pro show deles em São Paulo!

5 comentários:

  1. Poxa Bárbara, brega!?
    Os caras estão classudos pra caramba, tanto a música como o estilo hahaha
    As músicas de todas as fases são ótimas a meu ver, no entanto, essas últimas You and I, R U Mine e também a Evil Twin tem toques míticos que vem, acho que muito, do Josh Homme não? E pra você? Tem algum momento preferido ou que desgoste?

    ResponderExcluir
  2. Querido Filipi, os anéis de bicheiro do Matt e do Alex no clipe são bregas demais, não dá pra salvar, não! HAHAHAHAHAH

    Sério, mano, pelamordedeus, é muito feio.

    Mas a música é ótima!!!
    Eu curto todos os discos deles, mas gosto mais dos dois primeiros, como a maioria das pessoas. Eu gosto do Arctic Monkeys mais rápido, enérgico.

    E eu gosto muito da fase nova de estilo do Alex, de "Juventude Transviada"/Elvis e Josh Homme wannabe...o topete dele ficou bem bonito! E o Matt não mudou quase nada desde 2006, na real. Mas essas poses deles não dá, ou vc ri ou vc tem pena, HAHAHA. Eu acho engraçado, acho que eles tão tirando onda, mesmo, fazendo um sarro. Eles são ótimos!

    É uma daquelas raras bandas que não tem nada que eu não goste. Adorava eles cabeludos dark do deserto no terceiro disco também. Só prefiro a fase Sheffield, mas não acho nada ruim, muito pelo contrário.

    Obrigada por me ler =)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Eu gostei MUITO dessas novas musicas, You and I, R U Mine? e evil twin, quer dizer "novas", nao que todo o resto do Arctic seja ruim (tirando suck and see, que pra mim foi a decadencia à depressão) e eu queria achar mais bandas com esse tipo de som, mas nao sei nem o nome desse estilo usahuashu'.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Bárbara!
    Só reparei esses dias: o Jamie aparece numa televisão, no clipe de R U Mine! Dá pra ver em 3:21. Também estava preocupada com o "sumiço".
    Bjo!

    ResponderExcluir
  5. Olha na verdade ele aparece no clip. ele eh a garota da esquerda!! =p

    Osb: nao foi piada, ele realmente se vestou de mulher no clip.

    ResponderExcluir