terça-feira, 18 de outubro de 2011

Irmãos em guerra

Imagina se o Planeta Terra põe o Noel Gallagher no lugar do Peter, Bjorn & John, minha gente! E ainda escala eles pra tocar no palco alternativo, ao mesmo tempo em que o Beady Eye toca no palco principal? Imagina isso, o Noel tocando ali, na frente da montanha-russa, enquanto o Liam toca no palco ao lado. Hahahahaha, ia ser lindo. O Playcenter provavelmente iria pelos ares, como se tivessem jogado uma bomba atômica. Que beleza! Qual dos irmãos será que os fãs de Oasis, sempre tão xiitas, iriam preferir ver?

Fica a sugestão de guerra civil indie rocker britpop pros organizadores do festival, já que o trio sueco cancelou sua apresentação e ainda não confirmaram um substituto. Maior ideia de girico não existiria na história desse mundo. Aliás, dizem por aí que a culpa é do Liam pelos ingressos do Terra terem se esgotado tão rápido. Ano passado, esgotaram em dias. Esse ano, foi em horas.

Todo mundo sabe que os líderes do Oasis, os irmãos Gallagher, viviam em guerra. De acabar em pancadaria. Toda vez que eles brigavam eu pensava se um deles tinha quebrado uma guitarra na cabeça do outro, hahaha. Imagina a cena. Eu não duvido! Eles viviam terminando a banda e voltando, a cada briga. Até que, no fim de 2009, brigaram feio de novo e se separaram de vez, minutos antes de subir no palco pra tocar pra milhares de pessoas em um megafestival na França (o Rock en Seine). Eu acredito que eles ainda possam voltar um dia, apesar de achar difícil que aconteça...então me sinto aliviada por ter visto um dos últimos shows da banda, debaixo de uma chuva do capeta no Anhembi, com a minha...irmã.

Agora, cada irmão Gallagher tem uma banda nova. Noel, o mais velho, seguiu em carreira solo, enquanto Liam, o mais novo, montou uma banda nova, chamada "Beady Eye", com todos os ex-integrantes do Oasis, menos o irmão, claro. Lançaram um disco chamado "Different Gear, Still Speeding", em fevereiro. O Beady Eye é legal, tem uma pegada super sessentista em tudo, mas honestamente achei que não surpreende tanto. Música mastigadinha, sabe isso? Morna. Ok, o Liam fez um bom trabalho, o disco de estreia é muito bom, mas não trouxe nada de novo e pesou a mão em tanta referência aos anos 60, acabou meio exagerado. Ainda mais com a postura sempre tão arrogante se achando "dig din dig din" do Liam, falando demais, prometendo demais.

A capa do disco de estreia do Beady Eye.
Na internet, falaram que era a filha do Chuck Norris
com seu bichinho de estimação. Hahaha!
E, enquanto isso, o não tão menos arrogante Noel ficou quietinho na dele se preparando pro bote. Semana passada, veio o ataque: lançou seu disco solo e surpreendeu todo mundo. O disco do Noel, chamado "High Flying Birds" (e já devidamente vazado na internet, baixa aí) é bem mais Oasis do que o Beady Eye jamais será. Tem, inclusive, música composta quando o Oasis ainda existia, mas nunca lançada - a "Stop the Clocks". Então ficou a impressão de que a verdadeira cabeça do Oasis era o Noel, como já se suspeitava desde o princípio, e acabou que vamos pro round 489590938371 da guerra entre irmãos, porque agora a crítica puxa a sardinha pro lado do Noel, os fãs do Oasis se dividiram e o Liam deve estar bem puto. O que será que ele vai aprontar pra vingança?


Olha aí o Oasis em São Paulo, em maio de 2009, tocando uma das minhas músicas preferidas deles:

Nenhum comentário:

Postar um comentário