segunda-feira, 23 de maio de 2011

A volta triunfal dos Beastie Boys


Você conhece os Beastie Boys. Se tem acesso à televisão, rádio, cinema e internet, com certeza já ouviu alguma música deles, por mais que não se lembre. Esse trio de Nova Iorque, formado em 1981, causou uma grande comoção porque foi o primeiro grupo de hip hop com todos os integrantes brancos a fazer sucesso e a ser reconhecido internacionalmente. Além disso, foram um dos primeiros a misturar rap e demais estéticas e batidas do movimento hip hop com estilos musicais diferentes, criando uma mistura de rock, música eletrônica e rap que influenciou gerações de bandas e rappers. Sem os Beastie Boys, certamente não existiria Eminem e o Run DMC não teria feito uma parceria com o Aerosmith regravando “Walk this way”, por exemplo.

Faça o teste: procure na internet as músicas Intergalactic, Body Moving, SabotageNo Sleep Till Brooklin. Duvido você não reconhecer pelo menos uma delas. E os videoclipes também merecem comentários: todos muito cômicos, aliam humor à paródias de filmes e programas de TV, estrelados pelos próprios integrantes do grupo. Será que foi aí que os Foo Fighters se inspiraram para interpretar os personagens engraçadinhos de seus clipes? É bem possível.

Em 2011, depois de uma pausa de mais de quatro anos, os Beastie Boys voltaram de forma triunfal com o novo disco “Hot Sauce Committee Part Two”, seu oitavo álbum de estúdio. O disco se chama “parte dois” porque a primeira parte, que seria lançada em 2009, teve de ser adiada depois de um dos integrantes, Adam Yauch (conhecido como “MCA”), ser diagnosticado com câncer. Com a sua recuperação, os Beastie Boys voltaram a trabalhar no álbum, mas resolveram lançar direto a segunda parte, que acabou tendo quase a mesma sequência de faixas que teria a parte um.

O disco novo chegou trazendo um revival da época de ouro dos Beastie Boys, seguindo a mesma linha das canções lançadas entre o fim dos anos 80 e o começo dos 90 (que são as mais famosas e mais tocadas do grupo até hoje, como as citadas acima), com refrões muito grudentos facilmente decoráveis já na primeira audição. O disco conta com a participação do rapper Nas e da cantora Santigold e foi disponibilizado na íntegra pelos próprios Beastie Boys para audição via streaming na internet.

Com o lançamento de “Hot Sauce Committee Part Two”, os Beastie Boys lançaram também um curta sobre o grupo, uma mistura de documentário e ficção. Com cerca de 30 minutos de duração, o filme foi chamado de “Fight For Your Right to Party – Revisited”, em homenagem a mais um dos hits clássicos do grupo, de 1986.
Os próprios Beastie Boys atuam e são os produtores do filme, que também conta com atores famosos no elenco, como Jack Black, Elijah Wood, Seth Rogen, Susan Sarandon, Orlando Bloom, Kirsten Dunst e Alicia Silvesrtone; e é como uma continuação do clipe lançado para a música de 1986, com o mesmo estilo cômico e escrachado dos outros vídeos da banda e algumas cenas bizarras, que incluem uma guerra de xixi.

“Fight For Your Right to Party – Revisited”, foi divulgado com estardalhaço na MTV americana e no VH1 no lançamento de “Hot Sauce Committee Part Two”, faz parte da edição de luxo do disco novo e já pode ser encontrado na internet. Nada mal para uma banda que está na ativa há 30 anos.


2 comentários:

  1. Muito Bom artigo
    :)

    Sabe bem saber qeu existem pessoas com esta cultura.

    saudações Barbara
    não pares

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu comentário fez meu dia, Sr. =)
      Muito obrigada! Fiquei especialmente feliz por vc ser um leitor de Portugal, tenho muito carinho pelo seu país - e sou portuguesa também, em partes, haahahha.
      Um grande abraço!

      Excluir